UA-54647306-2

Miss Kittin no 11º aniversário do Plano B

By November 27, 2017Blog

De “Frank Sinatra”, a “Requiem for a Hit”, passando por “Madame Hollywood”, “Silver Screen” ou “Rippin Kittin”, Miss Kittin tornou-se na personificação de uma era bem presente na memória de todos nós – a mítica era do electroclash.

Caroline Hervé tornou-se, nos últimos 20 anos, numa das figuras mais inspiradoras e numa das vozes mais reconhecidas da música eletrónica.

Companheira de produção de longa data de The Hacker, Miss Kittin tem um cunho pessoal notório que faz questão de incutir na sua música, quer seja da sua autoria, quer nos dj sets: a sua entrega intensa aos beats techno é desencadeada pelo desejo de cantar, gritar, atacar e vencer, numa mistura de jogos de palavras sagazes e paisagens musicais de atmosferas embriagantes.

Independentemente de a sua voz a ter catapultado para a ribalta, é a paixao pelo DJing que a move. De hard edge Techno a clássicos rave, Chicago, Acid e Detroit Techno, Miss Kittin evolui com facilidade para géneros mais letfield, Electro e suas variantes e transmite todo o seu entusiasmo, carisma e inspiração através dos seus sets. Foram estes mesmos sets que foram ficando na memória de quem com ela teve a sorte de se cruzar e que a tornaram numa das artistas mais adoradas e respeitadas na música de dança de hoje.

From “Frank Sinatra”, to “Requiem for a Hit”, “Madame Hollywood”, “Silver Screen” or “Rippin Kittin”, Miss Kittin has become the personification of an era still well alive in our memories – the legendary time of electroclash.

Caroline Hervé became, in the past 20 years, one of the most inspiring figures and one of the most recognizable voices of electronic music.

Long time producing partner of The Hacker, Miss Kittin has her own watermark stamped on her músic, wether produced by herself, or on her dj sets: her intense dedication to techno beats is sparkled by a desire to sing, yell, attack and win, in a mix of discerning wordplay and inebriating musical landscapes.

Despite her voice threw her in the spotlight, it is the passion for djing that keeps her alive. From hard edge Techno to rave classics, Chicago, Acid and Detroit Techno, Miss Kittin evolves easily into more Letfield styles, Electro and its incursions and shares all her excitement, charisma and inspiration through her sets. These were the sets that have remained in the memory of anyone lucky enough to cross paths with her and have made her one of the most worshiped and revered artists in today’s dance music.

parties in porto

A música que te faz dançar num click

Recebe semanalmente a nossa newsletter com a melhor programação da actualidade que acontece no Plano B.
QUERO RECEBER